Conheça a origem da língua italiana

origem da língua italiana, uma das mais românticas e encantadoras de todo o planeta, se deu por volta de 800 a.C, numa região ocupada por diversas tribos, onde hoje se encontra a Itália e a Córsega.

Dentre essas tribos, destacaram-se os etruscos na Toscana, os gregos na Sicília e no sul da península, os celtas ao norte e os fenícios em todo o território italiano atual.

Portanto, a história do idioma italiano está diretamente relacionada à formação do país e à unificação total de seu povo. Quer aprender mais sobre a origem da língua italiana falada por Leonardo Da Vinci, Galileu, Vivaldi e Michelangelo? Continue a leitura!

Leia também4 dicas práticas de italiano para iniciantes no idioma

Como se deu a origem da língua italiana?

Em aproximadamente 753 a.C, Roma foi fundada por etruscos, romanos e sabinos. Este acontecimento transformou totalmente a disposição do território e das mais de 40 tribos que nele viviam.

Após séculos de guerra e disputas territoriais, toda a região foi unida e romanizada em 27 a.C por Augusto, fundador do Império Romano e seu primeiro Imperador. Durante o domínio romano, em seus territórios, eram usadas duas línguas: o latim vulgar e o clássico.

Latim clássico 

Era usado entre os governantes, no senado, nas assembleias legislativas, por aristocratas, filósofos, professores, escritores, historiadores e moradores da cidade de Roma.

Latim vulgar 

Era o idioma falado por soldados do Império, comerciantes, escravos e habitantes das regiões dominadas por Roma. Ou seja, era utilizado pela maioria dos habitantes do Império Romano.

Como o Império correspondia a toda a Europa Ocidental, norte da África, Inglaterra e parte do Oriente Médio, o latim vulgar serviu como base para diversos idiomas, como:

Leia tambémItaliano para iniciantes: os verbos irregulares que você precisa entender

O que aconteceu após o Império Romano?

Com o passar dos séculos, o Império Romano perdeu sua força e começou a ser visado por povos vizinhos. Assim, no século V, os germânicos derrubaram Roma e desapareceram com o Império.

Após isso, as províncias romanas foram divididas em duas partes: os remanescentes de Roma e o domínio germânico.

No entanto, no final dos anos 800, a região onde hoje se localiza a itália foi segmentada política e religiosamente em cinco:

  • Os Estados da Igreja Cristã;
  • Império Romano Oriental;
  • Os muçulmanos;
  • O Reino da Itália;
  • Veneza.

Devido à influência do Império Romano por séculos e a abrangência de suas conquistas, o latim vulgar criou raízes na região e foi preservado até o final da Idade Média.

Leia também: 5 filmes para estudar e aprender italiano na Netflix

Como ficou a evolução do idioma durante o Renascimento?

Na Era do Renascimento, a Itália passou a ser dividida em Principados do Norte (Repúblicas de Florença e Siena) e Reino de Nápoles ao sul. Nesta época, a região era referência cultural e científica em toda a Europa.

Durante este período, o advento de escritores, cientistas, matemáticos, poetas e músicos colaborou para a formatação de um idioma singular. O que deu origem ao florentino.

Entre as inúmeras personalidades italianas importantes para o idioma florentino, Dante Alighieri e sua obra “A Divina Comédia” foram os responsáveis por difundir este idioma pelo mundo e por toda a região da Itália.

Já no século XIX, os Principados do Norte e o Reino de Nápoles ao sul foram unificados. Então, a língua italiana, originada a partir do Renascimento com o florentino, ficou formatada, padronizada, inserida na sociedade e se tornou a língua oficial da Itália.

Leia também5 dicas de leitura e escrita para aprender italiano online 

Imigração e divulgação da língua italiana pelo mundo

Além de conhecer a origem da língua italiana, é importante entender como o povo italiano emigrou e se espalhou pelo mundo.

Atualmente, mais de 70 milhões de pessoas falam italiano em todo o planeta. O Brasil representa a segunda maior comunidade italiana, com aproximadamente 30 milhões de italianos ou descendentes espalhados pelo país.

A maior parte dessas pessoas estão nos estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Mas não é só por aqui que existe a influência da cultura e da língua italiana. Fora da Europa, os Estados Unidos, o Canadá, a Austrália, a Argentina e o Uruguai também possuem muitos descendentes italianos.

Como aprender italiano na prática?

Agora, você conhece a origem da língua italiana e como tudo aconteceu na região da Itália até o idioma se tornar oficial. Além disso, descobriu como é grande a influência deste país e de seus antepassados no mundo, inclusive aqui no Brasil.

Se você se apaixonou pela história da língua italiana, quer viajar ao país ou aprender o idioma, você pode fazer isso com o curso online de italiano da Let Me Tell.

Contamos com aprendizado completo de gramática, vocabulário, compreensão oral, escrita e conversação. O que inclui atividades dinâmicas e interativas, jogos, vídeos, dicionário, entre outros recursos. Tudo por meio de uma plataforma fácil, intuitiva e 100% online.

Também fazemos um teste de nivelamento para identificar o seu conhecimento sobre o idioma e personalizar o ensino de acordo com as suas necessidades.

Clique aqui para conhecer a Let Me Tell ou saiba como funciona os nossos cursos.

Baixe nosso Guia dos Idiomas e conheça os principais métodos para aprender a língua desejada.